Jornalista que exibiu cartaz contra guerra na TV russa foi alvo de nova multa, indicou a própria

Ovsiannikova foi considerada culpada por um tribunal administrativo de Moscovo por ter “desacreditado” o exército russo