Sociedade

Bombeiros combatem incêndio em Almancil

04-06-2021

Uma das vias está cortada, estando o trânsito condicionado a uma faixa para os dois sentidos

Um incêndio deflagrou esta sexta-feira, na Avenida 5 de Outubro, em Almancil, junto à estrada, no sentido Quarteira-Almancil. O alerta foi dado às 12:07 horas.

Segundo apurou o POSTAL, uma das vias está cortada, estando o trânsito condicionado a uma faixa para os dois sentidos.

No local, a prestar socorro, estão 14 operacionais, apoiados por quatro veículos.


Incêndio lavrou na zona dos Barrocais em Santa Catarina


Um outro incêndio, na manhã de quarta-feira, foi também rapidamente extinto numa zona de pasto em Barrocais, Santa Catarina, no concelho de Tavira, segundo o Safeplace52.

"A rápida e pronta intervenção das equipas" dos Bombeiros de Tavira, Olhão, São Brás de Alportel e Faro "foi determinante para o sucesso do combate que se desenrolou de foram rápida e eficaz", refere o mesmo.

Os meios terrestres foram apoiados por um helicóptero bombardeiro ligeiro de ataque inicial com a respetiva equipa da UEPS da GNR que estão sediados na BHSP de Loulé. As operações terminaram por volta da hora de almoço.


Incêndios voltaram a lavrar entre Montinho da Aroeira e Malhão


No início da passada semana, ocorreram outros dois incêndios entre o Montinho da Aroeira e o Malhão, no concelho de Castro Marim. Segundo a Proteção Civil (SMPC) de Castro Marim, a situação levantou suspeitas de fogo posto: "o estranho [é] a maioria ter começado entre as 13 horas e as 13:30".

No local estiveram os Bombeiros de Vila Real de Santo António, de Alcoutim e de Tavira, a GNR de Castro Marim e UEP /GNR PIPS de Cachopo.

No passado dia 22 de maio, a A22, mais conhecida pela Via do Infante, esteve cortado ao trânsito nos dois sentidos entre Vila Nova de Cacela e Castro Marim, devido a outro incêndio florestal que lavrou à tarde naquela zona.

A Via do Infante acabou por ser reaberta às 19:40, depois de ter sido cortada às 16:15.

A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) indicou na altura, na sua página da internet, que o incêndio esteve em fase de resolução com o forte apoio de 164 operacionais, apoiados por 55 veículos e 1 meio aéreo.

De acordo com a ANEPC, o incêndio lavrou igualmente numa zona de mato, na freguesia de Altura, concelho de Castro Marim, às 15:50.