Sociedade

Dragagem do Rio Gilão avança a bom ritmo

POSTAL

28-11-2018

Os trabalhos de dragagem do Rio Gilão, em Tavira, prosseguem em bom ritmo, revela a Docapesca. A intervenção visa recuperar as cotas de serviço e representa um investimento que ascende a 281.650 euros, prevendo-se a sua conclusão até ao final do ano. Os sedimentos dragados, classificados como Classe I, são depositados em local definido […]

Intervenção representa um investimento que ascende a 281.650 euros (Foto: D.R.)

Os trabalhos de dragagem do Rio Gilão, em Tavira, prosseguem em bom ritmo, revela a Docapesca.

A intervenção visa recuperar as cotas de serviço e representa um investimento que ascende a 281.650 euros, prevendo-se a sua conclusão até ao final do ano.

Os sedimentos dragados, classificados como Classe I, são depositados em local definido pelos pareceres da APA e ICNF, sujeitos a prévia triagem e separação de resíduos.

A empreitada inclui um programa de monitorização da qualidade da água e fiscalização por empresa especializada.