Exclusivo

Política

Sondagem. PS tem mais intenções de voto do que toda a direita somada

Expresso

06-06-2021

Contabilizadas as intenções de voto nos três partidos da “Geringonça”, um entendimento permitiria um Governo com maioria absoluta. E isto sem contar com o PAN, que tem ajudado a viabilizar orçamentos socialistas

Se as eleições legislativas fossem hoje, o Partido Socialista (PS) teria uma votação de 38,9% nas urnas, mais 14,9 pontos percentuais do que o Partido Social Democrata (PSD), que se ficaria pelos 24%, revela uma sondagem publicada este domingo pelo “Diário de Notícias”.

“Se os sociais-democratas ficassem neste patamar em eleições, seria o seu pior resultado de sempre (ao nível dos 24,4% das eleições de 1976)”, destaca o DN.

O resultado do PS é mesmo superior ao de toda a direita somada (37,6%) e não reflete a queda na popularidade do seu líder, António Costa, durante o mês de maio, como o revelou a sondagem deste sábado igualmente para o DN, JN e TSF.

Sondagem. Popularidade de António Costa em queda. Marcelo cada vez mais só

POLÍTICA

Sondagem. Há 40 pontos percentuais a separar António Costa de Marcelo Rebelo de Sousa

Leia também

Na sondagem deste domingo, na luta pelo terceiro lugar, o Bloco de Esquerda (8%) leva vantagem sobre o Chega (7%). Seguem-se-lhe a CDU (5,7%), a Iniciativa Liberal (5,2%) e o PAN (3,7%). O CDS não vai além de 1,4% nas intenções de voto.

Contabilizadas as intenções de voto nos três partidos da “Geringonça” (52,6%), um entendimento permitiria um Governo com maioria absoluta. E isto sem contar com o PAN, que tem ajudado a viabilizar orçamentos socialistas.

Relativamente ao grau de confiança para o cargo de primeiro-ministro, António Costa tem a preferência de 52% dos inquiridos (menos 3% do que em abril). Rui Rio não aproveita e também desce: tinha em abril 17% no índice da confiança e agora fica-se pelos 15%.


Notícia exclusiva do nosso parceiro Expresso